Ursula Moghini


Ao contrário dos de seus colegas, Ursula nunca trabalhou em estruturas para cães, mas ela sempre teve cães como animais de estimação em sua casa, desde o gigante São Bernardo até o pequeno chihuahua Willy, que ainda mora com ela. Ursula está muito dedicada e empenhada em colaborar com esta organização sem fins lucrativos, que tem como principal objetivo ajudar os cães abandonados. Ela acredita que os cães são sempre honestos e generosos, nunca mentem ou traem. Mas ainda há mais: também acredita que se olharmos nos olhos do nosso cachorro, é impossível pormos a hipótese de eles não possuírem alma e sentimentos próprios.